A Resiliência nossa de cada dia!

    Uma das virtudes que a maioria das pessoas bem sucedidas tem, e quem não a possui deveria cultivar é a resiliência. Os praticantes desta arte tem uma imensa e significativa vantagem competitiva em relação as pessoas que não as possui: a capacidade de se adaptar às novas situações e adversidades, e consequentemente encarar e resolver desafios. A física descreve como a capacidade de algo voltar ao seu estado natural, principalmente após alguma situação extrema (o elástico pode ser um bom exemplo), em nosso caso, algumas pessoas vão mais além que isso e usam suas experiências como laboratório, se fortalecem e crescem com eles. Chegando à conclusão de que os problemas nos fazem mais fortes.

    Existe o outro lado da questão que estamos abordando aqui, as pessoas que vão na contramão da resiliência, desperdiçam energias por falta de alto confiança ou até de preparo, pessoas que perdem o controle da situação diante de um desafio.Se você se identificou com esta observação que acabo de fazer, não se preocupe, pois com preparo e perseverança é possível desenvolver essa virtude. Pois bem, posso garantir que o mundo não vai parar para ouvir os problemas de quem quer que seja, como também não vai parar se estivermos muito felizes. É correto afirmar que o desânimo nunca nos levará a qualquer lugar privilegiado. Todos somos potencialmente capazes. Como já dissemos aqui, acredite em você e confie naquilo que acredita.

    Mesmo que tenhamos nossos ídolos, precisamos ter a certeza que também somos capazes, afinal de contas, todos somos feitos da mesma matéria. Se observarmos nosso corpo ao tomar um corte ou arranhão, ele pode sangrar, inflamar, doer, mas logo estará regenerado. Ele não consulta sua opinião consciente pois está programado biologicamente pela força na natureza para se regenerar, até mesmo por que, se isso não ocorresse e você ao longo de tantos anos acumulasse todos pequenos acidentes que sofreu, há de convir que estaria bem diferente do que é hoje, certo? “Se todos os corpos são naturalmente resiliêntes, então todos as mentes também podem ser!”.

    Guardo nas lembranças da minha infância, onde minha mãe gostava muito de ouvir músicas, em meio aos repertórios de vários idiomas e gêneros musicais, havia uma música com um trecho que mesmo sem ter maturidade para entender, aquela frase me chamava atenção, e anos depois eu viria a compreender seu significado, o trecho é o seguinte: “reconhece a queda e não desanima, levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima”. Independentemente da situação ou enredo da música, a frase é um ótimo exemplo de resiliência além de sabedoria e humildade.

    Um detalhe precioso que se incorporado em nossa estrutura psicológica fará grande diferença é a certeza de que não podemos mudar o passado. Tenha o poder que tiver você definitivamente nunca vai mudar absolutamente nada do que passou, então acredite, se aconteceu da forma que foi, aceite. Viver o presente e planejar o futuro, isso faz a grande diferença.

    Se temos fé, foco, objetivos e acreditamos em nossos sonhos, certamente seremos mais resistentes as adversidades que a vida nos apresenta e consequentemente mais resiliêntes. Cazuza dizia que “quem tem um sonho não cansa”, sabemos que na teoria tudo é mais fácil, porém é na prática que as coisas acontecem. Resista, persista e acredite em você de modo que ao final de cada problema você não apenas volte ao seu estado normal, mas esteja ainda maior e mais fortalecido. A vida é uma extraordinária escola que constantemente nos exige muito e para não apenas sobreviver e também brilhar é preciso desenvolver a resiliência nossa de Cada dia!

Dúvidas, comentários, elogios ou críticas, escreva pra mim:

hugorichardb@hotmail.com