FENÔMENOS TRANSFORMATIVOS DESTRUTIVOS

A tafonomia é o estudo dos fenômenos transformativos que avalia a transição dos restos biológicos a partir da morte até a fossilização. Em resumo, é o estudo de todas as fases por que passa o corpohumano após a sua morte. A partir do evento mortis, podemos constatar no cadáver fenômenos transformativos, que podem ser de duas ordens: Destrutivos e Conservadores. Nesse tópico estudaremos os fenômenos destrutivos:

(A) Autólise – Processo de destruição celular causada por enzimas das próprias células, sem nenhuma interferência bacteriana;

(B) Putrefação – Processo de decomposição da matéria orgânica iniciada a partir da autólise, classificado em fases: 1. Cromática; 2. Gasosa ou Enfiteimatosa; 3. Coliquativa ou Liquefação; 4. Esqueletização (Estudaremos as fases em momento oportuno).

(C) Maceração – Processo especial de transformação do corpo humano quando submetido ao meio liquido. Ex. cadáver do feto no útero materno. Existem graus de maceração, porém as provas do concurso policial não costumam cobrar esse aprofundamento, ressalvando-se apenas as provas de perito.

** VEJA COMO COSTUMA SER COBRADO:

1. (FUNCAB - 2013 - PC-ES - Médico Legista) O estudo dos processos geológicos e biológicos que alteram os materiais orgânicos após a morte, como despojos humanos esqueletizados, denomina-se:
• a) taxonomia.
• b) paleontologia.
• c) taxidermia.
• d) tafonomia.
• e) estereotaxia.

2. (PC-MG - 2011 - PC-MG - Delegado de Polícia) Denomina-se o processo especial de transformação, que ocorre no cadáver do feto retido no útero materno, do sexto ao nono mês de gravidez:
• a) Maceração.
• b) Corifcação.
• c) Mumifcação.
• d) Saponifcação.

Gabarito: 1.d ; 2.a